O que é o Método Suzuki, quais são características deste método?

setembro 14, 2016 Fabio dos Santos

Publicado por Fabio dos Santos em 14 de Setembro de 2016

O Método Suzuki – também conhecido como “Método da Educação do Talento”, ou “Método da Língua Mãe”, é uma metodologia desenvolvida pelo Dr. Shinichi Suzuki após a II Guerra Mundial. O Dr. Suzuki fundou os alicerces de seu método espelhando o aprendizado da língua materna de bebês e crianças em seus primeiros anos de vida. 

O Dr. Suzuki fundou os alicerces de seu método espelhando o aprendizado da língua materna de bebês e crianças em seus primeiros anos de vida.  

 

Ele observou que todas as crianças – em qualquer lugar do mundo – falam sua(s) língua(s) materna(s) com fluência logo nos primeiros anos de vida, inclusive com os maneirismos regionais de cada local.  O aprendizado da língua é muito natural e fluído e todas as crianças desenvolvem um alto nível – quer dizer, todas crianças tem o “talento” para a fala. Ninguém se questiona sobre essa habilidade que uma criança – que em condições normais – é capaz de desenvolver. Tampouco que é capaz de alcançar níveis altos na comunicação verbal.

musicalizacao-centro-suzuki-campinas-13A habilidade de falar uma língua não é uma habilidade simples. Para ter um contraste, basta pensar nas dificuldades de um adulto para aprender um idioma diferente do seu, com o qual tem pouco ou nenhum contato regular. O fato de todas as crianças falarem a língua materna pôs o Dr. Suzuki a pensar sobre as condições em que ele ocorre. O aprendizado da língua tem certas características: desde o nascimento a criança está exposta aos sons da língua em todos os momentos; o principal professor das crianças são os pais, em casa, onde criam um ambiente que encoraja os bebês a experimentarem o som e recompensam com alegria os êxitos e a repetição; as crianças começam o seu aprendizado a partir do momento que nascem quando são expostas a bons exemplos da fala num alto nível e aos símbolos da escrita por todos ao seu redor. Um ‘ambiente’ de imersão e contato com a língua existem desde o início. Ninguém duvida de que as crianças são capazes de aprender a falar num alto nível, mesmo quando as crianças demoram para começar a falar.

Neste momento da história – da década de 1940-50 –, havia uma noção muito forte de que existiam pessoas que nasciam com ‘talento’ para o aprendizado de música e de um instrumento. O Dr. Suzuki aplicou os princípios do ensino da língua materna para o aprendizado de um instrumento – o violino, que era o seu instrumento. Começou as crianças mais cedo, incluiu os pais no processo de aprendizado; acrescentou um momento de aprendizado em grupo, além da aula individual; iniciou o ensino de música a partir da produção do som no instrumento e não da leitura e da escrita como ainda era feito naquele momento. Ele enfatizou a importância da criação de um ambiente de aprendizado com música que favorecesse a exposição das crianças e o incentivo para a repetição e a experimentação. Seus alunos de violino alcançavam níveis surpreendentes com muito pouca idade – 4 e 5 anos. Isso chamou muito a atenção de muitos pedagogos do violino ao redor de todo o mundo.

 

centro-suzuki-campinas-38O Dr. Suzuki também se deu conta de que o ambiente necessário para o aprendizado de um instrumento é também um ambiente propício para cultivar caráter e virtudes. O contato com a música e as artes cultiva sensibilidade. Assim, apoiado na ideia de que o aprendizado da arte é uma experiência transformadora do espírito, o Dr. Suzuki pensou que o ensino da música pode ser uma forma de transformação social.

  O Dr. Suzuki também se deu conta de que o ambiente necessário para o aprendizado de um instrumento é também um ambiente propício para cultivar caráter e virtudes.

Essas são as principais ideias que fundam a Metodologia Suzuki: que todas as crianças são capazes de chegar altos níveis de habilidade musical e técnica num instrumento; que para isso, as crianças devem começar o mais cedo possível; que a participação dos pais é fundamental no estudo de um instrumento, mas principalmente na criação de um ambiente musical; que através do estudo de instrumento, podemos ensinar as crianças a terem um coração cheio de amor, aberto ao dialogo, sensível às pessoas e ao mundo, dispostas a faze-lo de alguma forma melhor.

Compartilhe isso: